Você está em: Notícias»Prefeitura solicita retirada de projeto que extinguia cargo de merendeira

Prefeitura solicita retirada de projeto que extinguia cargo de merendeira

Prefeitura solicita retirada de projeto que extinguia cargo de merendeira
O prefeito de Gaspar solicitou nessa segunda-feira (4) a retirada do Projeto de Lei (PL) 29/2018 que promovia a extinção do cargo de merendeira/servente do quadro funcional da Secretaria de Educação. O ofício 402/2018 entra na pauta da próxima sessão ordinária, em 12 de junho, para que o presidente da Câmara, Dr. Silvio Cleffi (PSC), possa deferir verbalmente a solicitação. A vereadora Mariluci Deschamps Rosa (PT), relatora do PL, ressaltou que a decisão do Executivo chega depois de diversos questionamentos levantados pelos vereadores e por integrantes do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Gaspar (Sintraspug). “Como um projeto que está em experiência pode ser usado para justificar a extinção desse cargo? O governo sai mais uma vez prejudicado ao apresentar esse tipo de proposta para a educação”, declarou. O programa piloto, lembrado pela parlamentar, trata da terceirização da merenda escolar que já atinge cinco escolas e sete creches municipais. A empresa Sepat Multi Service Ltda é a atual prestadora do serviço. Discussão O PL, que já tramitava fora do regime de urgência, foi debatido pelos vereadores em uma reunião, no dia 24 de maio, com participação do Sintraspug. À época, a presidente da entidade, Lucimara Rozanski Silva, entregou à Camara um abaixo-assinado com 600 assinaturas de servidores contrários à aprovação da proposta. Na última sessão de maio, dia 29, os parlamentares também aprovaram um pedido de informações para saber a relação custo-benefício da proposta juntamente com o processo de terceirização.


© 2018 - Desenvolvido por Lancer